pios

Tô lendo um livro e estou muito preocupada. A personagem louca amarrou o cachorro na porta do supermercado e ainda não voltou para buscar.Ela já foi e voltou, descobriu o segredo do marido, causou um acidente, fugiu da amiga chata, revelou o segredo da irmã e eu pensando no dog.

Eu sou aquela que compra por impulso no mercado livre. acabei de comprar um kit pompom. Terei tempo de fazer pompoms visto que ando cheia de serviço? A resposta é não. Ainda assim, kit pompom comprado.

Existem lugares que fazem parte da nossa alma. O subúrbio é esse lugar para mim. Respiro seus ares e volto renovada!

Comi a sobremesa antes do almoço hoje. Foi ótimo!

O oba-oba é muito fácil, difícil é o lesco-lesco. (Mãe, minha)

Sobrancelha natural volta à moda. Estou na moda e não sabia. Uma vez eu fui fazer a sobrancelha num desses lugares de depilação. Quando a moça se aproximou, senti o bafo de cebola. Além da dor, imagine o bafo pós-almoço acebolado na minha cara. Não preciso passar por isso. E nunca mais paguei para fazer sobrancelha! E agora tô na moda.

Um bode: gente que chama os próprios filhos ou os filhos dos outros de príncipe/princesa. Excesso de Disney na vida.

No WhatsApp vocês: A. escrevem uma msm inteira, com tudo bem e vamos direto ao assunto ou B. escrevem tudo bem? esperam resposta e enrolam? Eu já mando a mensagem inteira: tudo bem, xyz e beijos. Nada de tudo bem, tudo e vc?, td bem, então, fala, enrola…

Cada um com seus problemas e escolhas, mas essas gororobas que as pessoas estão comendo com ingredientes alternativos, por favor. Brigadeiro de inhame, crepioca de não sei o quê, pão low carb, farinha disso e daquilo, bolo sem ovo, sem farinha e sem leite. Isso é coisa de quem não sabe cozinhar. A nutri da minha mãe passa essas receitas, minha mãe só olha e estimula ela a falar mais. Manda fazer sopa com ingredientes que não ornam juntos, coxinha de batata doce e minha mãe só dando corda. Minha mãe é excelente na cozinha. Vc vê essas receitas e a cara das comidas, é muita vontade de ser magro, porque é tudo um horror. Mas como eu disse, cada um com seu cada um.

Compartilhe
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on Tumblr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *